quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

2011 Pleno de sucessos e estreias!


Desejamos a todos os nossos amigos e colaboradores um 2011 pleno de sucessos. Nós por cá prometemos a estreia de 2 novos espectáculos, com muitas marionetas de fios.

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

'Os Fantoches' de Rogério Araújo


Mais um belo achado, com o título 'Os Fantoches'.

Uma obra encantadora entre a República e o Teatro Tradicional Dom Roberto.De 2010, da autoria de Rogério Araújo.


quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Boas Festas

Rui Sousa & 'A Olhar Pr'o Boneco'desejam a todos os seus amigos e colaboradores um bom Natal e um próspero novo ano de 2011.
No ano de 2010, Rui Sousa, realizou mais de 90 espectáculos.
61 Desses espectáculos foram da sua companhia, que se apresentou por dezenas de localidades continentais e insulares, com os espectáculos 'Puppetologia', 'De Se Tirar O Chapéu', 'O Barbeiro' e 'A Tourada'.
As restantes 33 fuções, foi como membro dos S.A.Marionetas, nas suas apresentações dos espectáculos 'Génesis' e 'As Aventuras do Menino de Madeira'.
Além da co-produção d'As Aventuras Do Menino De Madeira', Rui Sousa também co-produziu a MIMA, Mostra Internacinal de Marionetas do Atlântico, realizada este ano na Ribeira Grande - Açores.
Estreou 2 espectáculos - 'O Barbeiro' e 'A Tourada' - peças do teatro tradicional de Dom Roberto, sob a mestria e ensinamentos de José Gil, dos S.A.Marionetas.
Rui Sousa realizou além das co-produções e das suas apresentações, quase 2 dezenas de workshops de contrução de marionetas.
Para 2011, estimam-se 2 novas estreias no início do ano, várias co-produções, a 2.ª edição da MIMA, e que a vontade do público e a sua sede de marionetas, nos faça levar até este mais umas quantas dezenas de apresentações e workshops.

domingo, 19 de dezembro de 2010

Armando Ferraz, o pai dos 'Carolinos'?

Este é um momento de reflexão, cálculo e/ou imaginação.
Na passada postagem de Novembro (http://aolharproboneco.blogspot.com/2010/11/testemunhos-de-um-bonecreiro.html) citei um dos episódios mais ricos da minha carreira de bonecreiro.
Relatei um episódio em Ílhavo, que pelo que posso calcular terá a haver com a carreira de Armando Ferraz.
Da Gafanha da Nazaré a Ílhavo é um instante. Da Gafanha era Armando ferraz, o fantocheiro e bonecreiro falecido em 1997. E em Ílhavo estive eu há dias a apresentar 'O Barbeiro' do Teatro Tradicional D.Roberto. Em Ílhavo ouvi histórias, lenga-lengas e relatos de um bonecreiro que lá parava frente ao antigo-mercado, actual Centro Cultural de Ílhavo, onde me apresentei no seu exterior.
Chamavam aos meus Robertos, Carolinos, que um dia em S.M. da Feira também chamaram de Artur ao nosso herói popular.

Fica aqui a pergunta no ar:
Seria o mestre Armando Ferraz o homem que os batizou de Carolinos?
Aqui deixo a questão no ar, para que alguém que tenha vivido alguma experiência de perto com o bonecreiro Armando Ferraz, ou que tenha ouvido de boca-em-boca algum relato, que me possa sacear esta curiosidade.

Armando Ferraz - 1924-1997

Teatro dos Fantoches no Parque Mayer, em 1929


No dia 16 de Setembro de 2010, encontrei uma bela imagem de um antigo teatro de fantoches, onde o povo se deliciava com esta arte popular no Parque Mayer, em 1929.Não existe qualquer menção à companhia possuidora da estrtura cénica que podemos ver na imagem, com o nome 'Teatro dos Fantoches'.Apenas é referida a localização e o ano, Parque Mayer, 1929.É de louvar esta tradição recordada nos fascículos desta nova coleção do JN, intitulada 'As Estórias Nunca Contadas Pela História - 100 Anos da República', grátis neste jornal diário.A foto em anexo foi publicada hoje, dia 15 de Setembro de 2010, com a legenda 'Espectadores do Teatro dos Fantoches, no Parque Mayer, Lisboa. 1929.'.Os fascículos desta coleção estão recheados além das belas imagens, de notícias públicadas nas décadas relatadas, no DN e no JN, o que nos leva a pensar que as fotos devem constar dos mesmos arquivos de imprensa.A coleção já vai no 8.º número e desconheço se já terão sido publicadas outras imagens do género.


Pela tradição e pela alegria do povo,
Rui Sousa.

---------------------------------------------------------------------------

Nota: Acerca do Parque Mayer e das suas atraçõesin http://www.jf-sjose.pt/
Parque Mayer: história dos 80 anos da Broadway portuguesa"Criado no início dos «loucos anos 20» com a ambição de ser um pólo teatral, o Parque Mayer impôs-se como centro do teatro de revista e feira popular moderna, sobreviveu à censura de Salazar e Caetano, à rádio e ao cinema, ao futebol, à partidarite da revolução, à televisão e às telenovelas. ...""...Entre as diversões que passaram no Parque Mayer destacam-se as «barracas de tiros», os bailes (de fim-de-semana, ou do Carnaval), os circos Royal, El Dorado e Luftman, as «barracas» do «Pôrto em Lisboa» (miniatura animada da Ribeira) ou de «fenómenos» como a «mulher transparente» e a «mulher-sereia» e as pulgas amestradas, o labirinto e a roleta diabólica, a laranjinha, as «variedades», o jogo do quino, o jogo clandestino (para os mais aventureiros), os carrosséis e os fantoches, o Pavilhão Infantil, os «carrinhos de choque», a patinagem, os combates de boxe, a luta greco-romana e a luta livre."

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Testemunhos de um Bonecreiro II


Esta tarde, deste dia de 13 de Dezembro de 2010, foi mais uma tarde de cruzamento de informações e nostalgia.
Deparei-me com uma plateia de média de idades de 60 anos, o que prometia ser uma das plateias mais exigentes neste tipo de espectáculos de D.Roberto.
A velha juventude que assistia ao Barbeiro foi de uma alegria e entusiasmo brutal, reagindo mais e melhor do que algumas crianças muito activas. O D.Roberto ouviu desde conselhos a gargalhadas, tudo isto rodeado pelo belo cenário da Cadeia da Relação e dos Clérigos.
Chegado o final do espectáculo, um senhor veio até mim dando-me os parabéns pela preservação da tradição e pela alegria que lhe proporcionei com o espectáculo.
Quando eu lhe dizia que seria provável alguém ter feito espectáculo naquele mesmo perímetro disse-me que sim, e com a certeza de aos 15 anos ter visto vários espectáculos do outro lado da rua, mesmo no largo da cadeia, onde viu inumeras vezes antigos bonecreiros virados para as grades da fachada da Cadeia da Relação, representando algumas histórias de Robertos.
'Os presos com as mãos de fora das grades batiam palmas...' contou-me com alegria e de olhos molhados, demonstrando a alegria de relembrar esses tempos, e a alegria que os reclusos sentiam nessas horas.
Durante essas crónicas, esse senhor troteava sons, como: 'Truuu, truuu!' e dizia-me era assim mesmo que eles faziam (rindo), ao que se aproxima uma jovem senhora de 80 anos que diz para mim: 'Raio de casamento!', presumindo eu que fosse parte de alguma das histórias que tivesse ouvido outrora numa outra juventude.
Vim de coração cheio, pois fiz um espectáculo de benificiência para a CAIS no âmbito da iniciativa 'Pão Por Todos Para Todos' e juntamente com os mais carenciados estavam estas jóias ou poços de lembranças que nada mais são que compêndios de outros tempos.


Flauta e Tamboril

Esta manhã pus mãos e pulmões à obra e decidi praticar um pouco de tocador tradicional. Por incrível que pareça, tocar caixa e pífaro ao mesmo tempo não é assim tão complicado.
O mais engraçado foi, depois de ter estado a ensaiar, ter posto o meu pai e o meu tio no meio da rua à procura do funileiro.
Disse-me o meu pai depois de ter percebido que era eu, que era mesmo o toque do funileiro.Senti-me de missão cumprida e de alma muito cheia, por ter lembrado a uns costumes e a outros que é possível prevalecer a tradição.
Prometo que tocarei sempre estas modas, antes dos meus espectáculos de Robertos, e sempre que possa para que a tradição não morra nem seja esquecida.
Viva o Portugal Português!


Foto: O Tamborileiro Virgílio Augusto Cristal a tocar na Eira para um grupo de bailadores.

terça-feira, 30 de novembro de 2010

Novas datas - agenda 2010/2011


De 8 a 26 de Dezembro - 'As Aventuras do Menino de Madeira' (proj. S.A.Marionetas)
14h15, 15h15 e 16h15 - Terra dos Sonhos - S.M.Feira
08 de Dezembro - 'O Barbeiro' - Aldeia de Natal - 15h e 16h - Leiria
13 de Dezembro - 'O Barbeiro' - Praça da Cadeia da Relação - 14h30 - Porto
18 de Dezembro - 'Puppetologia' - Auditório Municipal de Vieira do Minho - 21h
20 de Dezembro - 'O Barbeiro' + 'A Tourada' - Evento Privado - Vila Nova de Cerveira
21 de Dezembro - 'Puppetologia' - Evento Privado - Ílhavo
15 de Janeiro - workshop de construção de marionetas - Festival Mar-Marionetas - Espinho
23 de Janeiro - workshop de construção de marionetas (grátis) - Fórum FNAC Mar Shopping - 11h

sábado, 13 de novembro de 2010

Testemunhos de um bonecreiro


Então foi assim que tudo aconteceu. Estava eu a chegar a Ílhavo para fazer 'O Barbeiro', e um senhor vendo-me com uma mala velha na mão e um tambor na outra pergnta:
- Então que banda é que aí vem amigo?
E respondi eu:
- Não é banda. Esta tarola é para chamar o povo para um espectáculo de Robertos.
- Epa! Não me diga? Quero ver isso. Sabe que a gente aqui dantes via muito 'Os Carolinos' neste mesmo sítio. Aqui era o mercado e o homem montava a barraca e aqui os fazia.
- Que nome disse?
- 'Carolinos', também chamava-mos 'Robertos' mas o costume era chamar 'Carolinos'. Até me lembro do fantocheiro fazer uma grande paródia com um barbeiro e usar mesmo um balde com espuma e um pincel de cal.
O Barbeiro dava com a trincha no outro boneco e enchia-o de espuma. Era uma risota. E depois tinha uma navalha e o outro estava sempre a dizer que a navalha parecia uma charrua. Bons tempos. ...
E ali ficamos uns 30 minutos a tertuliar de lágrima no olho; tanta nostalgia e consolo do homem que ele até se ofereceu para ser meu ajudante.
Passados uns instantes estava eu a montar a barraca e pergunta uma senhora:
- Então quando começam os 'Carolinos'?
Resultado, depois de há uns meses eu ter testemunhado alguém ter chamado 'Artur' a um dos meus 'Robertos', hoje encontrei mais uma variante chamada 'Carolinos'.
Podem-me chamar tonto, mas existem pessoas que buscam um resultado total num desses jogos semanais, mas eu não. Só peço a Deus saúde e força para fazer os 'Robertos' até velhinho.

Este episódio passou-se hoje, dia 13 de Novembro numa feira de costumes em Ílhavo.
Rui Sousa

sábado, 30 de outubro de 2010

Carta do Presidente da UNIMA Portugal - O falecimento de João Paulo Seara Cardoso

Caros associados e amigos, é com grande tristeza que reencaminho esta mensagem da companhia Marionetas do Porto. João Paulo seara Cardoso foi um dos fundadores da UNIMA-P e um apoiante desta união desde sempre, ajudou esta nova direcção a revitalizar a UNIMA Portugal e incentivou a que se continua-se a trabalhar. Em nome da Direcção da UNIMA Portugal enviamos o nossos sentimentos para a sua familia e para todos os que lhe eram proximos com a promessa de "continuarmos a trabalhar" OBRIGADO! POR TUDO!

A direcção da UNIMA Portugal
---------------------------------------------------
João Paulo Seara Cardoso, director artístico do Teatro de Marionetas do Porto, faleceu esta noite, vítima de doença.
Este Homem de Teatro desenvolveu durante a sua vida, um trabalho que se inscreve na revitalização das tradições e, mais expressivamente, na afirmação das linguagens da contemporaneidade.
Ao longo de mais de vinte anos, a companhia evoluiu sob a visão e a orientação do seu fundador e director artístico. Num processo vivo, exigente e apaixonado foi alcançado um elevado reconhecimento nacional e internacional, o Teatro de Marionetas do Porto tornou-se numa referência para uma vasta corrente de público.
João Paulo Seara Cardoso foi protagonista de uma postura inspiradora e exemplar, que mobilizou e motivou sempre esta equipa na concretização deste projecto artístico.
Muitos dos seus desígnios ficam por cumprir, interrompidos por uma morte prematura. O choque pelo seu desaparecimento abala-nos muito e muito profundamente, mas não mais do que à sua querida família com quem partilhamos esta perda.

Teatro de Marionetas do Porto
http://www.marionetasdoporto.pt/companhia/director-artistico

O funeral de João Paulo Seara Cardoso realizar-se-á amanhã, domingo, pelas 14h00, na Igreja de Cedofeita, Porto.

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Agenda Out-Nov-Dez


16/10 - Teatro D. Roberto "O Barbeiro" + "A Tourada" - 16h30 - 13.º Marionetas Na Cidade - Mosteiro - Alcobaça
29/10 - Teatro D. Roberto "O Barbeiro" - FNAC Alfragide - 21h30 - Lisboa
30/10 - Teatro D. Roberto "O Barbeiro" - FNAC Colombo - 11h00 - Lisboa
30/10 - Teatro D. Roberto "O Barbeiro" - FNAC Chiado - 16h00 - Lisboa
30/10 - Teatro D. Roberto "O Barbeiro" - FNAC Cascais - 18h30 - Cascais
31/10 - Teatro D. Roberto "O Barbeiro" - FNAC Almada - 11h00 - Almada
31/10 - Teatro D. Roberto "O Barbeiro" - FNAC Vasco da Gama - 17h00 - Lisboa (Expo)
06/11 - 'Puppetologia' - FNAC - Leiria - 17h - Leiria
07/11 - 'Puppetologia' - Pátio Alfacinha - 17h - Lisboa
18/12 - 'Puppetologia' - Auditório Municipal de Vieira do Minho - 21h
21/12 - 'Puppetologia' - CCI, Centro Cultural de Ilhavo

domingo, 3 de outubro de 2010

Divulgação do 13º "Marionetas na Cidade" Festival Nacional de Teatro de Marionetas - de 15 a 17 de Outubro em Alcobaça


Passamos a divulgar a programação do 13º "Marionetas na Cidade" Festival Nacional de Teatro de Marionetas - de 15 a 17 de Outubro em Alcobaça.

Dia: 15 Outubro 2010
Horário: 10.30h. / 14.30h.
Local: Auditório Adães Bermudes
Espectáculo: “O Nabo Gigante”
Companhia: Partículas Elementares
Classificação: maiores de 4 anos

Dia: 15 Outubro 2010
Horário: 22.00h.
Local: Tertúlia Café - Alcobaça
Conferência: ”O Teatro de Robertos em Portugal”
Participantes: Bonecreiros participantes no 3ª Encontro do Teatro Dom Roberto

Dia: 16 Outubro 2010
(3º Encontro Nacional do Teatro Dom Roberto)
Horário: 11.00h.
Local: Mercado Municipal de Alcobaça
Espectáculo: Teatro D. Roberto “O Barbeiro + A Tourada”
Bonecreiro: José Gil
Companhia: S.A.Marionetas – Teatro & Bonecos

Dia: 16 Outubro 2010
(3º Encontro Nacional do Teatro Dom Roberto)
Horário: 15.00h.
Local: Praça 25 de Abril (junto ao Mosteiro)
Espectáculo: Novas Histórias de Dom Roberto
Bonecreiro: Nuno Pinto
Companhia: Fio d´Azeite – Marionetas do Chão de Oliva

Dia: 16 Outubro 2010
(3º Encontro Nacional do Teatro Dom Roberto)
Horário: 15.30h.
Local: Praça 25 de Abril (junto ao Mosteiro)
Espectáculo: Teatro D. Roberto “O Castelo dos Fantasmas + A tourada”
Bonecreiro: José Gil
Companhia: S.A.Marionetas – Teatro & Bonecos

Dia: 16 Outubro 2010
(3º Encontro Nacional do Teatro Dom Roberto)
Horário: 16.00h.
Local: Praça 25 de Abril (junto ao Mosteiro)
Espectáculo: Dom Roberto e a Namorada
Bonecreiro: Jorge Soares
Companhia: A Barraca do Gregório

Dia: 16 Outubro 2010
(3º Encontro Nacional do Teatro Dom Roberto)
Horário: 16.30h.
Local: Praça 25 de Abril (junto ao Mosteiro)
Espectáculo: Teatro D. Roberto “O Barbeiro”+”A Tourada”(Estreia)
Bonecreiro: Rui Sousa
Companhia: A Olhar Pró Boneco - Teatro de Marionetas


Dia: 16 Outubro 2010
Horário: 17.00h. (inauguração)
Local: Fundação Armazém das Artes
Exposição: “Teatro Dom Roberto – teatro tradicional português de marionetas”
De 16 a 31 de Outubro – seg. a sex. 11.00h. às 13.00h. – sáb. e dom. 14.00 às 19.00h.

Dia: 16 Outubro 2010
Horário: 21.30h.
Local da Plateia: Praça 25 de Abril (junto ao Mosteiro)
(realizado no Castelo de Alcobaça com o público na plateia da praça 25 de Abril)
Espectáculo: “Ben Amanzor – O Feitiço do Mouro do Castelo de Alcobaça”
Companhia: S.A.Marionetas – Teatro & Bonecos

Dia: 17 Outubro 2010
Horário: 14.30h. / 15.30h. / 17.30h.
Local: Praça 25 de Abril (junto ao Mosteiro)
Espectáculo: “Dragocirco”
Companhia: Criadores de Imagens

Dia: 17 Outubro 2010
Horário: 15.00h. / 17.00h.
Local: Praça 25 de Abril (junto ao Mosteiro)
Espectáculo: “Cavaleiro Corcunda”
Companhia: Projecto Pumba

Dia: 17 Outubro 2010
Horário: 16.00h.
Local: Praça 25 de Abril (junto ao Mosteiro)
Espectáculo: “Entre Lugares”
Companhia: Teatro e Marionetas de Mandrágora

Dia: 17 Outubro 2010
Horário: 16.30h.
Local: Praça 25 de Abril (junto ao Mosteiro)
Espectáculo: “Portucale”
Companhia: S.A.Marionetas – Teatro & Bonecos

Dia: 17 Outubro 2010
Horário: 18.00h.
Local: Mosteiro de Alcobaça (entrada ala norte)
Espectáculo: “Auto da Criação do Mundo”
Companhia: Bonecos de Santo Aleixo
Bilhete: € 2.50

Organização: S.A.Marionetas – Teatro & Bonecos
Estrutura Financiada pelo MC (Ministério da Cultura) / DGArtes (Direcção-Geral das Artes
Apoio: Câmara Municipal de Alcobaça / IGESPAR / Mosteiro de Alcobaça / Junta de Freguesia de Alcobaça/Armazém das Artes/TFT-Teleinformatica,Lda/AD-LIB/
Restaurante António Padeiro/ESDICA/Hotel Santa Maria/UNIMA-Portugal/Arte Ataca-Publicidade
Apoio à Divulgação: Região de Cister/Jornal de Leiria/Rádio Cister/Gazeta das Caldas

sábado, 2 de outubro de 2010

Rui Sousa 'A Olhar Pró Boneco'


Estou neste momento a oficializar mais um passo na minha carreira como marionetista.
Como forma de retribuição, reconhecimento e camaradagem, 'A Olhar Pró Boneco' é oficializada não como a minha companhia, pois sempre foi noutras denominações e períodos de carreira, mas como uma cooperativa, da qual colaboram com o devido reconhecimento várias pessoas e artístas.
O trajecto continuará o mesmo e as produções continuam a serem produzidas e realizadas como podem consultar sempre aqui e em www.ruisousa.pt.

No âmbito dos colaboradores contamos e contaremos com Alberto Castelo, Sérgio Neto, Telma Pedroso, Lino Sousa, Manuela Pedroso, e outros mais que vão colaborando graciosamente com a companhia; nunca esquecendo a mestria de José Gil e toda a camaradagem de passadas e futuras produções de Sofia Vinagre e Natacha Costa Pereira, dos S.A.Marionetas.

Dia 16 de Outubro estrearemos outro espectáculo, do repertório tradicional do Teatro D. Roberto - 'A Tourada'.
A estreia acontecerá no 13.º Festival nacional de Teatro de Marionetas 'Marionetas Na Cidade, em Alcobaça, às 16h30, junto ao Mosteiro.